segunda-feira, 28 de julho de 2014

0

Canindé forma Comitê em defesa da Constituinte para Reforma Politica

Rosana Goes, Emanoel Aleixo (Direção Sindiserve-Canindé)
“Condições igualitárias na disputa eleitoral é algo que precisamos conquistar e que fará a diferença no nosso sistema político. Não pode mais existir o candidato sem compromisso com a população, sem projeto político e que vence a eleição com dinheiro, calúnia e difamação”, afirma Emanoel Aleixo Presidente do (SINDISERVE-CANINDÉ), filiado à CUT/SE, presente no CURSO DOS MIL sobre PLEBISCITO POPULAR para a REFORMA POLÍTICA.
 
 
 
 
 
 
 Neste sábado (26) militantes de movimentos sociais de Canindé formaram o Comitê Municipal para elaborar a votação para o Plebiscito sobre a Constituinte para a Reforma Política em Canindé de São Francisco. O grupo conta com representantes do MST, do Movimento de Pequenos  Agricultores - MPA, SINDISERVE, Associação Comunitária Nossa Senhora da Conceição. Radio Comunitária Amanhecer FM e do movimento Estudantil da cidade. O comitê terá a tarefa de elaborar a votação que irá consultar a população da cidade se é a favor ou contra a eleição de representantes que irão formar um parlamento apenas para mudar as leis que regem as eleições do pais. A votação ocorrerá de 01 a 07 de setembro.
O grupo foi formado no curso preparatório estadual que contou com centenas de lideranças sindicais, organizações populares, coletivos e grupos estudantis e de juventude de todo o estado. O encontro ocorreu na Universidade Federal de Sergipe, para a formação dos comitês que irão mobilizar a sociedade sergipana para intensificar a mobilização em torno do Plebiscito Popular pela Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político, e contribuiu para a ampliação de comitês regionais e sensibilizar as lideranças para a importância da reforma política.
A programação do curso contou com análise da conjuntura política e econômica nacional e internacional, tendo como palestrantes o doutor em história e editor do jornal Página 13, Valter Pomar, e o coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), João Pedro Stédile.
Canindé foi representado por Damião Feitosa presidente do Grêmio do Colégio Dom Juvêncio, Emanoel Aleixo e Rosana Goes representando o SINDISERV, Fabio Andrey e Jamaica representando o MST, Damião do MPA, representando o Movimento dos Pequenos Agricultores, Missinho Balbino presidente do Partido dos Trabalhadores, a delegação contou ao todo com cerca de 15 integrantes.
Da Redação do Portal ANS
Saiba mais informações sobre o plebiscito: http://www.plebiscitoconstituinte.org.br/
Fonte: http://www.amanhecernosertao.com

quinta-feira, 24 de julho de 2014

0

Cartas de cobrança indevida estão chegando para Servidores Públicos Municipais de Canindé de São Francisco, Sergipe.

Há alguns meses, cobranças estão chegando na casa de Servidores Públicos Municipais de Canindé de São Francisco, o motivo seria por conta dos consignados feitos pelos servidores, e que a prefeitura não estaria repassando o valor no dia firmado no contrato.

O curioso é que todo mês é descontado no pagamento do servidor, e vem descrito no contra-cheque, então o servidor crê que está tudo certo, mais aí não está. Há a possibilidade de alguns servidores estarem com o nome negativado, perante o SPC e SERASA.
Procuramos o secretário de Administração, José Cláudio dos Reis, e o mesmo nos passou que o problema está sendo sanado. Mas a Direção do SINDISERVE-CANINDÉ, orienta aos servidores públicos municipais que estão recebendo  cartas de bancos, contendo informações que os servidores tem um prazo para regularizar os débitos, que procurem um escritório de contabilidade para verificar se o seu nome está negativado, caso esteja PROCURAR IMEDIATAMENTE O SINDISERVE-CANINDÉ, para que possamos entrar com ação judicial de danos morais.
Documentação necessária para entrar com a ação judicial:
01 – Comprovante que está com o nome negativado aos órgãos SPC e SERASA;
02 – Cópia do Contrato de consignado perante ao banco;
03 – Cópias: RG, CPF, COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA.

O que é Serasa e SPC?
A Serasa (Centralização dos Serviços Bancários S/A) é uma empresa privada criada por bancos e financeiras; já o Serviço Nacional de Proteção ao Crédito (SPC) é um órgão de serviço da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). Ambos armazenam dados cadastrais de empresas e cidadãos, bem como apontamentos que indicam dívidas vencidas e não pagas, além de registros de protestos de títulos, ações judiciais, cheques sem fundos e outros registros provenientes de fontes públicas e oficiais.
Ambos armazenam dados cadastrais de empresas e cidadãos, bem como apontamentos que indicam dívidas vencidas e não pagas, além de registros de protestos de títulos, ações judiciais, cheques sem fundos e outros registros provenientes de fontes públicas e oficiais.
Todas estas informações são fornecidas aos bancos, às lojas do comércio, às pequenas, médias e grandes empresas, que pagam para obtê-las (cerca de R$ 1 por consulta). É por isso que ao efetuar uma compra em alguma loja de shopping, por exemplo, o cliente tem seu CPF (Cadastro de Pessoa Física, uma espécie de identidade do cidadão junto à Receita Federal) consultado, via telefone. O mesmo acontece na hora de se pegar um empréstimo em banco ou financeira.

O objetivo da Serasa e do SPC é tentar garantir que seus clientes não sofram calote, isto é, não recebam por um serviço prestado ou produto vendido. De acordo com o presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Nelson Miyahara, a loja pode perfeitamente se recusar a vender algum produto à vista para quem está na 'lista negra'. "Ela pode ser encarada como uma garantia do comerciante de que aquele cheque ou crédito, por exemplo, não vale", explica.
É BOM SABER
1 - É considerado inadimplente, para efeito de registro no SPC, atraso maior que 15 dias na quitação de débitos.
2 - Após a regularização do débito, a empresa deverá comunicar ao SPC e Serasa para cancelar do mesmo.
3 - Em relação a cheques sem fundos, o emissor só pode ter seu nome incluído na Serasa e SPC após o mesmo ter sido apresentado pelo menos duas vezes.
4 - Suposto devedor não pode ter seu nome no cadastro da Serasa e SPC enquanto há processo discutindo a dívida.
5 - A Serasa e o SPC são obrigados a notificar o consumidor (por escrito) que o nome do mesmo se encontra em seus cadastros.
Fontes: Procon, Andif e BC

terça-feira, 15 de julho de 2014

0

Depois de muita luta, servidores estão conseguindo à Licença Prêmio, mas lembre-se pegue à sua portaria!

Depois de várias conversas com os Secretários do Município de Canindé de São Francisco, a Direção do SINDISERVE-CANINDÉ está conseguindo que seja feita nos locais de trabalho, uma escala de Licença-Prêmio para os servidores públicos do Município de Canindé de São Francisco, Sergipe. O direito à Licença-Prêmio por Assiduidade é um direito do servidor público e esta presente na Lei Complementar nº 01 de 30 de dezembro de 2002, que é o Estatuto do Servidor Público. Que concede o direito ao Servidor Público Municipal de Canindé de São Francisco  que após cada qüinqüênio de efetivo exercício ininterrupto no Município, o funcionário que a requerer fará jus à licença especial de 03 (três) meses, com todos os direitos e vantagens de seu cargo. Veja o estatuto na íntegra: http://www.sindiserve-caninde.blogspot.com.br/2013/05/estatuto-dos-servidores-publicos-do.html#more
Mas temos que salientar, quando o servidor conseguir este direito tem que ter em mãos à sua PORTARIA, que irá comprovar que o servidor está tendo direito à Licença-Prêmio por Assiduidade e irá constar o prazo de três meses como também o dia de retorno do servidor ao seu local de trabalho. A portaria deve ser adquirida pelo servidor na secretaria de sua lotação.

PORTARIA: “São atos pelos quais as autoridades competentes determinam providências de caráter administrativo, dão instruções sobre execução de leis e de serviços, definem situações funcionais e aplicam medidas de ordem disciplinar.” (Adalberto J. Kaspary – Redação oficial – Normas e Modelos)

segunda-feira, 14 de julho de 2014

0

LIBERDADE POPULAR - Programa de Rádio do Sindiserve-Canindé


Na próxima quarta-feira, dia 16 de julho de 2014, o nosso Programa de Rádio LIBERDADE POPULAR, está de volta e será transmitido toda quarta-feira das 12h00min às 14h00min. Você pode ouvir através daRádio Comunitária Amanhecer FM 104.9 ou através do site www.fmamanhecer.com ao vivo em qualquer lugar do mundo. Ligue e participe pelo fone (79) 3346-1123 ou envie MSG de texo/WhatsApp para o número (79) 9606-0822. Vamos todos participar para que tenhamos um serviço público de maior qualidade, e uma Canindé de São Francisco mais justa, igualitária e solidária.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

0

Calendário do PASEP 2014-2015

Todo funcionário público que preenche alguns requisitos exigidos por lei tem direito ao Pasep. O Pasep é Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, criado na década de 70 tem como objetivo propiciar aos servidores públicos civis e militares a participação na receita das entidades integrantes (órgãos de administração pública direta e indireta nos âmbitos federal, estadual e municipal e fundações instituídas, mantidas ou supervisionadas pelo Poder Público).[Banco do Brasil].

Anualmente é pago ao funcionário público um salário mínimo em forma de abono salarial.

Quem tem direito ao PASEP 2014/2015

O abono salarial do PASEP 2014/2015 é pago aos funcionários que preencherem os seguintes critérios:
  • Cadastro no PASEP há pelo menos 5 anos;
  • Trabalhado no minimo por 30 dias no ano-base (2013);
  • Recebido remuneração média mensal de dois salários mínimos;
  • O órgão publico tem que ter enviado a RAIS do ano anterior com as informações completas ao Ministério do Trabalho.

Calendário do PASEP 2014/2015

O pagamento do PASEP 2014/2015 começa começa no mês de julho para os funcionários de entidades que optaram pelo convenio com o Banco do Brasil, que é o responsável pelo pagamento do Pasep.

Há mais de uma forma de pagar o abono salarial, vamos ver quais são:
  1. crédito em folha de salários - para servidores de empresas conveniadas ao Banco do Brasil; 
  2. crédito em conta corrente - para os clientes do Banco do Brasil; 
  3. nos guichês de caixa - somente para quem não se encaixa nas opções acima. Os pagamentos são realizados de acordo com o calendário anual de pagamentos. 
Calendário do PASEP 2014
Fonte: http://www.consultaropis.com/

quarta-feira, 2 de julho de 2014

0

Prefeitura de Canindé atrasa salários de servidores

Os funcionários efetivos da saúde, os cargos comissionados e os estudantes do Programa Bolsa Universitária estão com seus proventos atrasados até o momento.
Muitos funcionários e bolsistas  reclamam do atraso, visto que compromissos financeiros, para quem depende do salário, não podem também ser protelados, obrigando muita gente a driblar a falta de dinheiro para manter as contas em dia.
Em entrevista a Rádio Xingo FM,  Alcides  Ponce de Leon, falou ontem (01/07)  em nome da administração municipal, e  informou que por conta do atraso do repasse federal, houve atraso no pagamento dos funcionários efetivos da Secretaria de Saúde, segundo o representante  na quinta-feira (03/07) os salários deverão ser pagos.
Os funcionários  que são cargos comissionados e os estudantes do Programa Bolsa Universitária também não receberam seus proventos até o momento.  A Redação do Portal ANS manteve contato com a Secretária de Administração, e foi informada que em função do pagamento do adiantamento de 50% do décimo terceiro para o funcionalismo público a prefeitura teria ficado sem recursos para honrar todos os pagamentos em dia e não saberia informar a data para normalizar a situação. Segundo o calendário de pagamento divulgado no início do ano os pagamentos deveriam ter iniciado a partir do dia 26 de junho.
A repercussão do atraso nas redes sociais da cidade é grande, nos últimos nove anos é a primeira vez que a prefeitura atrasa o salário do funcionalismo.
A folha de pagamento de Canindé  de São Francisco hoje, esta em aproximadamente 5 milhões e meio de reais, incluindo efetivos, contratados e comissionados.
Da Redação do Portal ANS

sexta-feira, 27 de junho de 2014

0

Faça já sua Pré-Inscrição nos Cursos ofertados pelo Instituto Federal de Sergipe para Canindé de São Francisco

O Instituto Federal de Sergipe (IFS), abre inscrições para cursos em Canindé de São Francisco. São duas modalidades de cursos técnicos do IFS atualmente no município, os cursos técnicos do Programa Profuncionário dirigidos para os funcionários da Educação pública Municipal e Estadual, e os cursos técnicos que são voltados para toda comunidade. É uma parceria Governo Federal, Estadual e Municipal. Ainda Alimentação Escolar (para os/as merendeiros/as), Infraestrutura Escolar (para os/as zeladores/as e vigilantes), Multimeios Didáticos (para os/as funcionários/as de escolas que trabalham com os diversos meios didáticos, onde podem serem citados, os/as funcionários/as das salas de vídeo) e secretaria escolar (para os/as funcionários/as das secretarias das escolas).  Os outros cursos técnicos que estão disponíveis para a população em geral são três: Técnico em Administração, Técnico em Reabilitação de Dependentes Químicos e Técnico em Transações Imobiliárias (para atuar no mercado de trabalho como Corretor de imóveis).  Os candidatos devem possuir nível médio ou estarem cursando numa proporção que adquiram o nível médio antes de concluírem o curso técnico (que possuem em média uma duração de 18 meses).  O candidato deve comparecer a Secretaria Municipal de Educação até o dia 30 de junho no horário de expediente, levando uma foto 3X4. Informações com o Professor Carlos Alberto. É bom salientar ainda que esses cursos são gratuitos. 
Os cursos acontecerão em Canindé de São Francisco, serão  à Distância, uma vez por semana, e com pevisão de início em Julho de 2014.

quinta-feira, 19 de junho de 2014

0

Agentes de Saúde terão piso salarial de R$ 1.014,00

Para alcançar montante, União poderá complementar, em até 95% do total, valores pagos pelos poderes estaduais e municipais
A partir desta quarta-feira (18), os Agentes Comunitários de Saúde e os Agentes de Combate às Endemias terão piso salarial instituído em R$ 1.014,00.
Para alcançar esse montante, a União poderá complementar, em até 95% do total, os valores pagos pelos poderes estaduais e municipais a esses profissionais.
A medida foi estabelecida por meio da Lei nº 12.994, de 17 de junho de 2014, e sancionada pela presidenta Dilma Rousseff. A informação foi publicada noDiário Oficial da União.
Além da formalização do valor mínimo para salário, o texto especifica que os profissionais irão trabalhar 40 horas semanais exclusivamente em ações e serviços de promoção da saúde, vigilância epidemiológica e combate a endemias em prol das famílias e comunidades assistidas.
A publicação também estabelece que os profissionais mencionados terão metas em suas atividades e serão avaliados constantemente e de maneira transparente, visando a obtenção dos resultados.
Fonte:
Portal Brasil, com informações da Imprensa Nacional
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...